Capacetes de motocross: história e evolução do principal equipamento de proteção
Por: Daniela Burgonovo
Em 26/12/2017
Não à toa é considerado o principal item de segurança do piloto, além de garantir estilo diferenciado nas pistas

 

Pense em um equipamento de proteção. Agora responda, foi ou não foi o capacete que veio a sua mente? Provavelmente, sim. Não é à toa que ele é considerado o principal item de segurança do motociclista. E, além do mais, ele garante aquele estilo diferenciado nas pistas.

Mas até chegarmos ao modelo conhecido atualmente, muita estrada foi percorrida. No início, em 1894, quando a primeira motocicleta à gasolina foi fabricada na Alemanha, nada era utilizado para garantir a segurança dos motociclistas. Um tempo depois, surgiu o capuz de couro, que pouco ajudava em caso de acidentes.

 

Quase meio século se passou até que o neurocirurgião Hugh Cairns se sensibilizou com a morte de um paciente e iniciou um estudo intitulado: “Perda desnecessária de vidas por pilotos de motocicleta devido a ferimentos na cabeça”. Isso foi em 1935, quando Thomas Edward Lawrence, conhecido mundialmente como Lawrence da Arábia, caiu da sua moto Brough Superior SS100, na Inglaterra.

 

Lawrence se deparou com dois garotos andando de bicicleta, os quais ele não tinha visto previamente devido à uma depressão na estrada. Ele tentou desviar deles, mas perdeu o controle da motocicleta e foi arremessado por cima do guidão. Como estava sem capacete, sofreu graves lesões na cabeça, que o deixaram em coma e o levaram a morte em poucos dias.

A pesquisa de Cairns conseguiu comprovar que um acessório faria toda a diferença, convencendo o exército inglês a desenvolver o capacete e utilizá-lo para a segurança dos soldados que se deslocavam com motocicletas durante a guerra. Logo, a prática começou a ser seguida pelos civis e uma legislação obrigando o uso do item passou a existir em diversos países do mundo.

 

Desde então, eles seguem evoluindo. As matérias-primas menos resistentes foram ficando para trás e agora o mais comum é a utilização de EPS para o forro e ABS para o casco, além da desejada fibra de carbono, melhor, só que mais cara. Sistemas de circulação de ar agregaram conforto e desenhos diferenciados contribuíram com a aerodinâmica, características importantes para o desempenho no esporte.

 

Como escolher um capacete de motocross

São tantas as opções de capacetes de motocross no mercado que as vezes fica até difícil escolher, não é mesmo? Eles vão desde os mais básicos até os mais extravagantes. Mas além do estilo, que é algo muito pessoal, vamos te dar umas dicas de como comprar o modelo ideal para você.

O mais importante é que ele fique bem justo, pois com o tempo a tendência é que o item ceda. Para saber o tamanho correto, meça a circunferência da sua cabeça, passando uma fita métrica por cima das sobrancelhas e ponta das orelhas. Se der 53-54 é PP, 55-56 é P, 57-58 é M, 59-60 é G, 61-62 é GG e 63-64 é XGG. É normal que ele fique um pouco desconfortável no começo, mas fique tranquilo, logo ele tomará a forma da sua cabeça.

Além disso, vale se atentar a alguns outros detalhes. Forros podem ser removidos e assim facilitam a limpeza após um tempo de uso. Basta retirá-los e colocá-los na máquina de lavar, deixando secar a sombra. Muitos são confeccionados em material antialérgico e antibactericida, você pode conferir estas informações na descrição do produto. Um bom sistema de ventilação ainda garante melhor aerodinâmica, mantem o ar renovado e a temperatura agradável durante a pilotagem. Acredite, um capacete de motocross bem escolhido pode lhe poupar muita dor de cabeça, literalmente!

VEJA TAMBÉM:
Brasileiros percorrem cerca de 3 mil quilômetros para encarar o Loretta Lynn’s
Em 24/07/2013
Pepê Bueno e Tauan Brenner disputam edição 2013 do maior campeonato de MX amador do mundo nos EUA
Motocross das Nações: carona on board e galeria de fotos do sábado
Em 28/09/2013
Pegue uma carona com o tailandês Atison Ruadero e confira uma galeria de fotos do sábado em Teutschenthal
Resultados: 1ª etapa AMA SX – Anaheim
Em 10/01/2016
Jason Anderson e Cooper Webb venceram em noite cheia de surpresas na etapa de abertura da temporada 2016
COMENTÁRIOS
Publicidade
211 Bikes MXGP Live
Copyright © 2013 CROSSCLUBE BRASIL. All rights reserved.